TESTÍCULO RETRÁTIL
O que é testículo retrátil?

 

É a condição na qual o testículo desceu completamente, porém retrae para uma posição supra escrotal.  Isto ocorre devido uma contração exacerbada de um músculo que envolve o testículo chamado cremaster (reflexo cremastérico). Os testículos podem ser visualizados na bolsa escrotal, quando a criança está relaxada ou dormindo. Frequentemente os dois testículos são retráteis. Algumas vezes, são confundidos com testículos não descidos.
Testículo retrátil
Quais são os sintomas dos testículos retráteis?

 

São assintomáticas na grande maioria dos casos.
Como é feito o diagnóstico do testículo retrátil?

 

O exame físico cuidadoso por um Urologista Pediátrico permitirá o diagnóstico correto. Quando se percebe a possibilidade de hérnia inguinal associada (até 10% dos meninos) uma ultrassonografia poderá ser solicitada. 
Qual é o tratamento do testículo retrátil?

 

Na grande maioria dos casos não requer tratamento cirúrgico. Entretanto, estes meninos devem ser monitorados com consultas semestrais, haja vista que com o crescimento, alguns destes testículos retráteis podem ascender para uma posição supra escrotal e necessitarem de tratamento cirúrgico. 
 
Quando o menino com testículo retrátil apresenta dor testicular recorrente, a cirurgia se torna necessária para prevenir uma possível torção testicular.  Se existe hérnia inguinal associada a cirurgia estará indicada.